Home » » COMEÇAR DE NOVO OU NÃO? (MINI CONTO)

COMEÇAR DE NOVO OU NÃO? (MINI CONTO)


Olhou em volta,estava tudo nos sítios e arrumado,não poderia dizer o mesmo de si e da sua vida,pegou nas chaves do carro,e saiu para a rua,não olhou para trás.
A noite estava agradável,era uma noite de Primavera,sem muito calor,mas límpida e clara,a lua cheia iluminava o mar,seguia pela marginal,devagar,a absorver aquelas imagens de serenidade e beleza,há muito que o não fazia,não tinha tido muitos motivos para isso ultimamente,chegou ao fim da linha e seguiu,rumo a um local que chamavam "Boca do Inferno",nunca um nome lhe tinha soado ter sido tão bem aplicado.
Deixou o carro aberto e seguiu ate á beira de um penhasco,cá em baixo o mar batia furiosamente nas rochas,embora o mar estivesse calmo,visto ao luar.
Sentou-se numa pedra,na borda da escarpa,não conseguia ver o mar que batia nas rochas,apenas ouvia o seu som,e os contornos das rochas que o cercavam,tal como ele,também a sua vida estava envolta em sombras,era um desempregado de meia idade,sem expectativas,tinha perdido tudo o que construíra em anos,tudo lhe tinha sido retirado nestes últimos anos de inactividade,a mulher que o tinha acompanhado nestes últimos anos,também tinha partido,gostava de ter a certeza que tinha sido apenas porque tinha acabado o amor,e não por razões materiais,sabia que tinha ficado mais amargo,menos alegre,mas não seria normal?perdera os planos que tinha de futuro,ficara só,rodeado de uma meia dúzia de verdadeiros amigos,os outros tinham "fugido" quando das primeiras dificuldades,não lhes guardava qualquer tipo de sentimento,aceitara sem fazer juízos de valor.
Sentado junto a escarpa,ouvia novamente as ondas que em baixo rebentavam contra as rochas,perdido em pensamentos,sentiriam a sua falta?sentiria ele a falta de tudo?não era importante,imagens passaram-lhe pela cabeça,um guião em que muito estava escrito e imaginava o seu seguimento ou final.
Olhou a linha do horizonte,a lua iluminava um mar calmo e alguns barcos de pesca ao longe,na faina diária,para trazerem o magro sustento que o mar lhes oferecia,estava na altura das decisões.
Levantou-se,bastava um pequeno passo em frente para que tudo deixasse de ter importância,para que tudo não passa-se de uma mera noticia de jornal,perdida entre muitas outras
Decidiu-se,deu dois passos...atrás,e virou as costas ao mar,dirigiu-se de novo ao carro,para trás o barulho das ondas esmorecia aos seus ouvidos,olhou a cidade de frente e decidiu começar tudo de novo,como quem nasce de novo e tem tudo para fazer,não sabia se era capaz,mas hoje ainda não era o dia que ia desistir,um sorriso aflorou-lhe nos lábios,sentiu pela primeira vez nessa noite o ar que lhe acariciava o rosto,sentou-se no carro ligou o radio e ao som de uma musica dos anos 80,seguiu em direcção a casa,deixou para trás tudo o que não queria,e apenas trouxe o sorriso no rosto.

J.C.
 
Support : Copyright © 2015. Mi Puntofinal - All Rights Reserved